Snippets: como atingir a posição zero do Google
Redatora vai ganhar dinheiro escrevendo textos
Quer ganhar dinheiro escrevendo textos? Fuja destes 7 erros
25/06/2018

Exemplos e boas práticas de snippets: como atingir a posição zero do Google

Snippets, ou featured snippets, são os resultados mais cobiçados do Google. Esse espaço é, digamos, a posição zero, criado para responder com precisão e objetividade à pergunta do usuário. 

O snippet é aquele trechinho do seu post que é usado pelo Google em grande destaque, lá no topo do ranking, como a solução mais indicada para a dúvida do leitor.

Ele tem o maior CTR (click thru rate, ou seja, a taxa de cliques) entre todos os resultados.

Como o Google se torna cada vez mais inteligente, ele tende a querer resolver as dúvidas dos usuários cada vez mais rápido. Ou seja, em breve, toda busca vai ter um desses snippets, em suas variadas formas.

Então, como aparecer por lá? 

Featured Snippets

Como aparecer nos snippets do Google

Os snippets do Google são uma evolução recente do buscador, que usa a inteligência artificial para encontrar a resposta mais objetiva e precisa para a questão proposta na busca. Muita gente chega lá sem querer, mas existem alguns atalhos para atingir a posição zero.

Para isso, veja quatro dos principais caminhos:

1. Resumo da resposta na introdução

Uma maneira simples de chegar à posição zero é responder objetivamente à questão proposta na keyword no primeiro parágrafo do texto.

Exemplo de snippet

Keyword: o que foi a revolução russa.

Método: resumo da resposta na introdução do texto.

Como aparece no Google:

Featured snippets

Como aparece no post:

Featured snippets

2. Resumo da resposta no H2

Uma das maneiras mais comuns de atingir o snippet para a palavra-chave é resumir a resposta para a pergunta ou demanda do H2 em poucas palavras, com 230 a 280 caracteres.

Exemplo de snippet

Keyword: maiores torcidas da inglaterra

Método: resumo da resposta no primeiro parágrafo após h2 correspondente no texto.

Como aparece no Google:

Featured snippets

Como aparece no post:

Featured snippets

3. Bullet points

Outra forma de catapultar o post para o topo é oferecer a solução para a demanda da busca em uma lista de itens em formato de bullet points. Essa lista ganha mais força quando aparece logo depois de H2 com a keyword.

Exemplo de snippet

Keyword: receita de caipirinha

Método: oferecer a receita em passo a passo criado com uma lista de bullets.

Como aparece no Google:

Featured snippets

Como aparece no post:

Featured snippets

4. H3s

Além da lista em bullets, você pode atingir os featured snippets com listas em H3. Para isso, da mesma forma, é importante que a lista venha logo depois do H2 contendo a keyword.

Exemplo de snippet

Keyword: pontos turísticos de londres

Método: oferecer a relação de comidas típicas em uma lista com itens em H3.

Como aparece no Google:

Featured snippets

Como aparece no post:

Featured snippets

Oportunidades de featured snippet

Uma boa maneira de encontrar opções de keyword com featured snippets é o SEMRush, que oferece essa opção na pesquisa de palavras-chave e no acompanhamento de palavras-chave do seu projeto. O MOZ e o Ahrefs também contam com essa ferramenta.

Infelizmente, não conhecemos um software gratuito que ofereça a opção de encontrar keywords com featured snippets.

De qualquer forma, esses espaços para a resposta aparecem, normalmente, para perguntas que simulam a linguagem falada, e não para uma sucessão de keywords. Exemplos: “O que é…”, “O que foi…”, “Quem foi…”, “Quem é…”, “Como fazer…”, “Como criar…”, “Como preparar…”.

Também vale ficar atento às keywords secundárias e alternativas. “Revolução russa”, por exemplo, não tem um featured snippet (além do destaque da Wikipédia à direita). Mas “o que foi a revolução russa”, sim.

Normalmente, quando o Google identifica que você está formulando uma pergunta  específica, ele tenta trazer uma resposta bem objetiva. Ou seja, é importante fazer esse exercício de busca de oportunidades para os snippets em suas próximas pautas.

Passo a passo para criar conteúdo para os snippets

  • Identifique keywords que possibilitem esse tipo de ranqueamento (normalmente, perguntas como “O que é”, “Quais são”, “O que foi”, “Quem foi”, “Como fazer”, “Como preparar”, “Como criar”.
  • Utilize o primeiro H2 para responder objetivamente à questão. Se a questão envolver uma lista, crie o H2 para tratar do assunto e então uma lista com H3s ou bullets.
  • Comece a monitorar o desempenho do post. Ele só terá chance de atingir o snippet quando chegar à primeira página de resultados.
  • Assim que o post chegar à primeira página, retome o conteúdo para garantir que ele está 100% otimizado para alcançar o resultado zero.

Passo a passo para adaptar posts para os snippets

  • Monte uma planilha (ou organize com seu software de preferência) com todos os posts que já estejam na primeira página de resultados. Esses merecem uma atenção especial.
  • Verifique quais dessas keywords contam com a possibilidade de “snippets”, ou seja, que contam com a caixinha da resposta lá no topo.
  • Selecione uma e veja qual é o snippet selecionado pelo Google.
  • É hora de montar uma resposta mais precisa, objetiva e assertiva do que a que já consta por lá. Como nem todo mundo sabe lidar com os snippets, você não terá tanta dificuldade de levar seu texto para esse espaço.
  • Nessa revisão do conteúdo, crie listas e estruturas limpas, precisas, objetivas, que não deixem dúvida, que usem palavras fáceis, que não tenham muitas palavras repetidas e que se foquem absolutamente na resolução da dúvida do leitor.

Como definir o primeiro H2 do post

Como você viu, as primeiras posições do Google estão muito relacionadas ao primeiro h2 do post.

Uma boa maneira de criar o primeiro H2 de um post é buscar a keyword no Google e identificar pesquisas relacionadas. Depois de escolher uma delas, considerando a quantidade de buscas e a concorrência, concentre-se em responder ao H2 em até 280 caracteres.

Desse jeito, você oferece uma resposta objetiva, curta e interessante para o Google, que pode utilizá-la como um featured snippet, aquele recorte de post que ganha a posição 0 no ranqueamento.

Além de pensar na posição zero do Google, você deve cuidar com a aderência semântica entre o primeiro H2 e o título do post. Isso quer dizer o seguinte: o texto e o primeiro subtítulo devem tratar do mesmo assunto, em essência.

Depois de definir seu primeiro H2, os próximos headers podem ser construídos para reforçarem o ataque à palavra-chave principal e para servirem de alicerces para keywords secundárias. Ou seja, todo header do seu post vai conter a palavra-chave principal, alguma keyword secundária ou, pelo menos, uma variação da keyword primária.

Tudo isso, claro, de forma orgânica, que não pareça forçada nem artificial.

Gostou das dicas sobre os snippets? Então conheça nosso curso de SEO online e gratuito. E se quer contratar redatores que já tenham esse tipo de conhecimento e dominem o marketing de conteúdo focado em SEO, dê uma espiadinha na nossa agência de conteúdo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *