melhorar o marketing da empresa
Quer melhorar o marketing da empresa? Confira boas estratégias
15/03/2021

Inbound marketing para startups: 5 práticas para adotar agora

O inbound marketing para startups é pensado sob medida para promover empresas inovadoras e gerar leads de qualidade.

Ao contrário do marketing tradicional, que pode ser muito invasivo para o usuário, esse tipo de estratégia atrai e conquista clientes de forma mais orgânica, usando apenas conteúdo relevante.

Assim, você consegue trazer as pessoas certas para a empresa e construir relacionamentos mais sólidos — tudo o que a startup precisa para crescer e escalar

Quer ver como o inbound marketing para startups funciona e por que vale a pena adotar?

É só seguir a leitura e tirar suas próprias conclusões. 

inbound marketing para startups

O que é inbound marketing para startups?

Inbound marketing para startups é o marketing de atração aplicado à realidade dos negócios criativos. 

Ele também é conhecido como marketing de entrada e novo marketing, porque se opõe às práticas do marketing tradicional (outbound marketing). 

Em vez de utilizar mensagens diretas e interromper o usuário com anúncios, o inbound marketing atrai a atenção dos potenciais clientes com conteúdo relevante.

Por isso, um dos principais pilares dessa estratégia é o marketing de conteúdo, que consiste em produzir e distribuir informação de qualidade para trazer o público certo para o negócio.

Esse conteúdo pode assumir a forma de blog posts, posts em redes sociais, ebooks, vídeos, infográficos, webinars e vários outros formatos online. 

O importante é que ele tenha valor real para o consumidor e ajude a solucionar seus problemas, guiando cada lead (potencial cliente) até o ponto de conversão (venda). 

Enquanto o marketing tradicional busca ativamente pelo cliente e tenta convencê-lo a comprar, o inbound marketing permite criar uma conexão com o consumidor e trazê-lo para perto com mais naturalidade.

Assim, a empresa consegue criar relacionamentos mais sólidos e duradouros — e garantir a fidelização dos clientes. 

Como funciona o inbound marketing para startups

O inbound marketing para startups tem uma metodologia simples, que funciona em quatro etapas:

  1. Atrair tráfego de visitantes
  2. Converter visitantes em leads
  3. Transformar leads em clientes
  4. Encantar os clientes para garantir a fidelização e torná-los promotores da marca. 

Primeiro, os visitantes são atraídos para o seu site ou blog com conteúdos diferenciados e técnicas de SEO que geram tráfego orgânico

No seu site, eles são convidados a fornecer seus dados em troca de um material rico, que pode ser um ebook ou planilha, por exemplo, e assim se tornam leads e passam a integrar sua lista de e-mails. 

Nesse ponto, eles estão no topo do funil de vendas e devem ser guiados pelas etapas de aprendizado e descoberta, reconhecimento do problema, consideração da solução e, finalmente, decisão de compra.

Então, começa a fase de qualificação e nutrição dos leads, que vão recebendo conteúdos cada vez mais específicos para avançar no funil e chegar à maturidade ideal para a conversão.

Quando o lead está pronto para comprar (fundo de funil), ele é abordado pelo time de vendas para fechar negócio e se tornar, enfim, um cliente.

A partir desse ponto, o cliente continua recebendo conteúdo de qualidade e é impactado por programas de fidelização, descontos exclusivos e outras estratégias que garantem a fidelização.

Dessa forma, o inbound marketing gera um fluxo contínuo de leads qualificados, atraindo as pessoas certas para o seu negócio.

Por que o inbound marketing é ideal para startups?

O inbound marketing para startups é feito sob medida para a dinâmica dessas empresas inovadoras e de crescimento rápido. 

Geralmente, as startups começam com uma equipe enxuta, pouco dinheiro em caixa e muita disposição para enfrentar as incertezas do mercado e escalar o negócio.

Nesse cenário, fica difícil investir em mídia paga e pode não ser tão eficiente, já que a marca é nova e os métodos tradicionais não criam uma relação muito próxima com os consumidores.

Logo, o inbound marketing é a melhor solução para atrair um público-alvo segmentado, otimizar a verba e construir relacionamentos mais sólidos no mercado. 

De acordo com uma pesquisa realizada pelo HubSpot e publicada no Digital22 em 2020, 75% das empresas globais afirmam que o inbound marketing é efetivo para os negócios. 

Além disso, outros números do HubSpot e Content Marketing Institute (CMI) depõem a favor da estratégia:

  • 70% dos profissionais de marketing investem em marketing de conteúdo
  • 56% das empresas pretendem aumentar o investimento em criação de conteúdo
  • 84% dos consumidores esperam que as marcas produzam conteúdo relevante e experiências.

5 práticas de inbound marketing perfeitas para startups 

As práticas de inbound marketing para startups estão entre as mais eficientes para gerar leads e aumentar as conversões

Veja alguns exemplos. 

1. Criação de blog

O blog é a base do marketing de conteúdo e continua sendo indispensável nas estratégias de startups.

De acordo com uma pesquisa do HubSpot publicada em 2020, 73% dos usuários leem blogs de empresas eventualmente 27% consomem esse tipo de conteúdo com frequência.

Para aproveitar o potencial dessa ferramenta, é fundamental produzir conteúdo altamente relevante e utilizar o SEO (Search Engine Marketing, ou Otimização para Mecanismos de Busca) para atrair tráfego.

2. Investimento em SEO

O SEO anda lado a lado com o inbound marketing para startups, pois suas práticas garantem que o conteúdo será encontrado pelos potenciais clientes.,

Basicamente, você deverá otimizar seu site e conteúdos para conquistar as primeiras posições do Google e gerar mais tráfego orgânico.

3. Publicações em redes sociais

É impossível falar em inbound marketing sem incluir as redes sociais, que são excelentes plataformas para se conectar com seu público e gerar engajamento.

A dica é usar o Facebook, Instagram, Twitter, LinkedIn e outras redes para promover os conteúdos do blog, distribuir materiais ricos e atingir mais pessoas. 

4. Criação de landing page

A landing page, ou página de captura, é uma página que você cria especialmente para converter visitantes em leads a partir de um link.

A estratégia clássica é usar um material rico (ebook, planilha, infográfico, etc.) como isca para capturar os leads, exigindo o cadastro em troca do download gratuito. 

5. Produção de materiais ricos

Os materiais ricos precisam fazer parte da estratégia de inbound marketing para startups, pois trazem o conteúdo aprofundado que seus leads buscam.

Alguns exemplos são ebooks, webinars, whitepapers, infográficos, planilhas, playbooks, guias, tutoriais, aulas online e qualquer outro conteúdo com informação de qualidade e alto nível de detalhamento. 

Experimente o inbound marketing para startups

E aí, bateu a vontade de aplicar o inbound marketing para startups na sua empresa?

O caminho mais simples para isso é contratar uma agência especializada em marketing de conteúdo que tenha experiência com empresas de inovação.

Aqui, na Redator Hacker, nós atendemos várias startups e sabemos como criar conteúdo do zero para lançar sua marca ao topo do Google. 

Nosso método exclusivo garante que você terá o melhor conteúdo e será recompensado com uma posição de destaque no ranking de resultados. 

Quer começar o quanto antes a aplicar o inbound marketing na sua startup?Então, mande uma mensagem e vamos traçar essa estratégia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *